quinta-feira, 12 de outubro de 2017

Capas ao estilo Pollock

Falámos do Expressionismo...
Observámos quadros de Pollock, principalmente o "Ritmo de Outono". Decidimos que o nosso Outono teria as cores do quadro de Pollock, mas também laranja e amarelo porque estava um lindo dia de sol.
Ouvimos as "Quatro Estações " de Vivaldi, apenas a parte referente ao Outono para encontrar um ritmo para a nossa pintura.
Depois...
Pintámos as capas de trabalhos todas ao mesmo tempo. Pena que as cores das cartolinas que temos na nossa escola não são as melhores para isto. Mas ficaram giras e nós gostámos muiiiito de fazer.

sexta-feira, 22 de setembro de 2017

Projeto Bebé (II)

(4º dia)
Hoje 4 meninos trouxeram as fotografias do tempo em que viviam na barriga da mãe e as perguntas foram surgindo: 
Afinal o que come o bebé? Ele respira?
Acabámos o dia com a exemplificação do ambiente aquático em que vive o bebé.

Projeto "Bebé" (I)

Reunião da manhã (1º dia).
Edmilson - A minha mãe já tem lá o bebé.
Eu - Ena Edmilson, que grande novidade! Tens mais um irmão!
Edmilson - O umbigo do bebé caiu.
Eu - Como é isso, o umbigo dos bebés cai?
Edmilson - Sim, só aos bebés.
Todos com grande perplexidade no rosto e com muitos pontos de interrogação.
Eu - Então a nós não caiu?
Muitos a levantar a camisola para espreitar o umbigo.
E assim surgiu a primeira pergunta que foi escrita no quadro.


(2º dia)
Ofélia -Afinal, os bebés nascem com o quê que cai?
Francisca -Com um cordel, a minha mãe disse.
Rita - A minha também disse, é um tubo.
Ofélia -Um cordel, um tubo... Então e que cordel é esse?
Rita -Ai isso eu não sei.
Francisca -Eu também não!
Rafael -Vamos ver à internet!


(3º dia)
Vamos lá ver um filme sobre os bebés dentro da barriga para ver se percebemos se têm o tal tubo, ou cordão...
Nos primeiros segundos...
Muitos - O que está a acontecer?
Ofélia - O que acontece na barriga das mães quando aparece um bebé.
Um pouco mais tarde...
Bruna - Não é um bebé é um lagarto!!!! E tem uma cobra!
Ofélia - O bebé está a crescer...
Mais tarde...
Muitos - Já tem olhos! Estão a abrir!
....
Ofélia - O bebé está grande e quer sair da barriga. Mas afinal e o tubo, o cordão?
Edmilson - Estava lá!
Vimos o filme de novo.
Ofélia - Onde estava o cordão?
Muitos- Na barriga do bebé. No (um)bigo.
Ofélia - E vocês sabem como o bebé come?
Bruna - Vem à boca da mãe buscar.
Ofélia - Será?
Lidia - Não! Eu tenho um livro que diz que come pelo cordão.
...

quinta-feira, 14 de setembro de 2017

Quando as coisas correm assim...


Quando as coisas correm assim num primeiro dia, dizemos que foi muito...Bom

Primeiro Dia. Transições.

Hoje é um dia difícil para os novos Brincantes. Mas até agora ninguém sentiu muitas saudades de casa. Para os Brincantes mais velhos o dia é mais fácil, mas igualmente difícil, faltam os amigos que estão no edifício ao lado. Para os Brincantes que estão no edifício ao lado também não é fácil, é um mundo novo que é preciso descobrir (fui lá vê-los e estavam muito bem)...
Estamos todos em transição, mas bem. Pelo menos abertos ao novo, que significa estarmos juntos nos diferentes grupos que se formaram hoje, por adultos e crianças.
Bom Ano!

domingo, 9 de julho de 2017

A decoração para a festa




O nosso convite

Estava giro o nosso convite, feito a partir da sardinhas gigantes modeladas a partir de ideias das crianças.

.

Manjericos

Os manjericos são plantas com cheiro forte (aroma). Será que todas as plantas têm um aroma muito forte?
Fomos para a mata cheirar as plantas e apanhámos folhas que cheiram bem. Depois,alguns meninos trouxeram mais e compusemos manjericos.


Um novo autocarro

Um autocarro construído pelas famílias num fim de semana.


A brincar às escolas

Neste dia pensei que se tivessem cansado de brincar às escolas...Têm de estar sentados, o professor diz o que fazer, têm que pedir para ir à casa de banho... e estes meninos gostam pouco de atividades orientadas.Enganei-me!  Quando cheguei estavam todos sentados na "escola" , à espera do "professor Pedro", alguns com uma mochila com lápis e borracha dentro.
E pronto, a brincadeira continuou, com outros mais novos a querer entrar na "escola". O dia começou com a organização dos meninos por ordem alfabética. 




terça-feira, 13 de junho de 2017

Dia do Ambiente

Assinalámos o Dia do Ambiente com um pequeno gesto, colocando um ninho na oliveira em frente ao JI. Encontrámos este ninho abandonado em Oeiras. Será que algum passarinho se importa de ter uma casa em 2ª mão?


A história dos 3 porquinhos em crioulo cabo-verdiano

A mãe e outra familiar do Edmilson contaram-nos a história dos 3 porquinhos em crioulo cabo-verdiano. No fim os meninos quiseram saber como se dizem algumas palavras nessa língua que aqui e ali até parece português. Obrigada!

Nós, no jornal!

A Maior Lição do Mundo

Nós, em Oeiras, a apresentar o nosso trabalho para uma plateia de alunos e professores do país inteiro e responsáveis do Ministério da Educação e da UNICEF.

.

Dia Mundial da Criança no Choupal

Coimbra a Brincar