quinta-feira, 29 de setembro de 2016

A Câmara Municipal de Coimbra deu o arranque inicial no programa Eco-escolas do presente ano letivo, fazendo uma sessão de esclarecimento para representantes de todas as turmas do pré-escolar e 1º CEB.
"Mudar o comportamento: 30 medidas"
Muito obrigada ao departamento do ambiente e aos técnicos que lá trabalham por se lembrarem de nós!

Quando referimos o início do Outono, surge invariavelmente o tema "folhas".
Primeiro os meninos trouxeram algumas folhas de casa, depois fomos passear e apanhámos mais.... Agora estamos a descobrir que podemos agrupá-las segundo diferentes critérios e também já observámos e registámos nervuras.

sexta-feira, 23 de setembro de 2016

"Gamelão de Porcelana e Cristal" e "Cymatics_Vibrating Interactive Boards",


Fomos ver e fazer uma coisa muito gira! "Gamelão de Porcelana e Cristal" e "Cymatics_Vibrating Interactive Boards", no Convento de São Francisco.



Experiências com cores

Pintura com saco plástico.

Pizza


Já não sei como surgiu o pedido na planificação da manhã. Certo, certo, é que o pedido tinha um fundo motivacional significativo, as crianças apareceram hoje com os ingredientes.
Sim, pizza não é muito saudável, nós sabemos, mas fica para outro dia a explicação.
Fizemos 3 pizzas que foram comidas num abrir e fechar de olhos!


quarta-feira, 21 de setembro de 2016

Desenvolvimentos do projeto "sal"

Desenvolvimentos do projeto "o sal"
O sal vem do mar, a água tem sal, disse alguém.
Misturámos sal na água para ver o que acontecia. 
Então a água do mar é assim, tem o sal misturado? 
A Hermínia trouxe água do mar para ver se era verdade. Comparámos e provámos as duas águas. Como tiramos o sal da água? Ninguém tinha ideias. Sugeri que deixássemos em pratos para ver o que acontecia, talvez alguém tivesse alguma ideia entretanto.
Hoje alguém reparou que a água desapareceu! Observámos, tanto num prato como noutro havia sal.
É verdade, a água do mar tem mesmo o sal misturado, concluímos.
E para onde foi a água?
Resposta mais consensual:
-Secou com o sol, foi para o sol!






!


quarta-feira, 14 de setembro de 2016

Primeiro Dia

Um dia importante, cheio de incertezas e receios que se percebem nos olhitos das crianças e nas expressões de aparente tranquilidade dos pais.
Tudo ficará bem!





domingo, 11 de setembro de 2016

Bandeira Verde - Ganhámos!

É com muito orgulho, em todos os que contribuíram para este projeto, que transcrevo a mensagem que nos foi deixada na plataforma eco-escolas.

"Está tudo Ok e aprovado.
Verificámos que levaram em consideração as ressalvas que foram mencionadas na vossa Ficha de Acompanhamento.
Parabéns pelo trabalho realizado!


A equipa Eco-Escolas/ABAE

Estão convidados a estar presentes no dia 30 de setembro em Aveiro para receber a vossa Bandeira Verde."

sexta-feira, 9 de setembro de 2016

Um educador é responsável por um grupo de crianças

Um educador é responsável por um grupo de crianças, a que é atribuída uma sala de atividades... Porém, sabe-se que um jardim de infância não se resume a uma sala de atividades e não é apenas esse o espaço necessário para fazer aprendizagens. As OCEPE falam do espaço exterior, da cozinha, do refeitório, dos espaços polivalentes...
Um educador é responsável por um grupo de crianças, a que são atribuídos determinados recursos humanos.... Sabe-se que existe um racio mínimo determinante para a qualidade educativa que muita vezes (demasiadas) não é respeitado por quem de direito.
Um educador é responsável por um grupo de crianças, a que são atribuídos determinados recursos materiais... Sabe-se que existem diferentes modos de fazer acontecer e nem todos exigem necessariamente muitos recursos materiais, mas há recursos mínimos para garantir higiene, conforto e possibilidades pedagógicas.
Um educador é responsável por um grupo de crianças, que precisam de contextos flexíveis na gestão de rotinas e do tempo. Contextos que se aproximem e respeitem as suas especificidades, decorrentes da idade das suas características pessoais... E sabe-se que as rotinas da escola formal estão longe destes pressupostos e são inadequadas.
Ou seja, muito do que um educador pode fazer em prol do desenvolvimento e da aprendizagem das crianças depende de decisões a propósito da gestão do espaço, do tempo, dos recursos e dos materiais, mas, frequentemente, ele não é chamado a opinar a esse propósito.
DESEJAMOS A TODOS UM BOM ANO LETIVO , EM PROL DAS CRIANÇAS!

quarta-feira, 7 de setembro de 2016

Orientações Curriculares para a Educação Pré-escolar





Agora é a altura para dizer nas escolas, à luz deste referencial (a legislação), que não temos que fazer documentos que nos orientam para uma uma prática semelhante à dos outros ciclos, na construção do currículo e na avaliação.
As novas OCEPE